slideshow

10 de maio de 2013

By Day.


Um dia, no final das contas a gente sempre cai na real. Cai na real que nem todo mundo é feliz como a gente imagina que seja isso é apenas a primeira capa a qual ela deixa transparecer, ninguém sabe ao certo como esta pessoa esta por dentro, como seu coração esta ferido, e que ela usa essa mascara todos os dias, de uma forma em que possa esconder todos os problemas vividos, e isso talvez ela ache que seja uma solução. Aprende também que nem sempre quando a gente imagina que aquela pessoa, seja especial para você, talvez não passe de um engano do destino, pra abrir seus olhos e notar que fazemos escolhas idiotas, e elas fazem parte da nossa vida, e teremos de ser obrigadas a conviver com elas, mas aprender a selecionar e solucionar seus enigmas, a vida é uma piada. As pessoas são uma piada, para serem ouvidas, rir daquilo que não se tem graça, e essa pessoa em especial, é o palhaço disso tudo, o palhaço que abre seus olhos para a realidade que antes não era vivida, apenas comentada por outros que já passaram por algo igual. 

Aprende que nem sempre conselhos dados são fundamentais, ninguém sabe fazer nada com a própria vida, mas tenta ser psicólogo para terceiros, enquanto o coração, a mente e os problemas na sua vida, somente crescem. 

Percebe que, amar é bom, mas às vezes, todos nós sempre temos vontade de deixar que isso se torne apenas algo "normal", ou que simplesmente a gente pudesse se esquecer da sua existência, amar deveria ser uma opção escolhida pelo proprietário, não com simples sorrisos que são dados, olhares brilhantes e acolhedores, que te derretem, por que isso é bom no começo, mas depois se torna um inferno. 

Cai na real que nem sempre aquele ombro amigo, ou aquele abraço dado numa esquina é o que você esperava, no começo ele te aquece te abriga, mas por trás disso tudo, não é a solução, não é sua resposta, nada tem respostas, você quem tem que resolver toda a equação. Aquele abraço vindo de um amigo seu, é gostoso, é bonito, te fez querer e sentir necessidade de chorar e deixar que as magoa que estavam lá dentro, simplesmente despejassem, mas não arruma forças para isso, e só quer manter aquele silêncio, silêncio incomodo, mas ao mesmo tempo, cheiro de gritos sufocados de desejo por mais. 

Por que as pessoas simplesmente são assim? Dão apenas importância a datas comemorativas quando são seus dias, certas comemorações deveriam ser feitas todos os dias, embora não em dialogo, mas que seja feita num sorriso, num bom dia, num abraço, e até num simples 'eu te amo', que hoje em dia se tornou algo raro de se ouvir, de ser verdadeiro, é algo comum entre as pessoas, mas não é sincero, infelizmente. 

Amanhã tudo o que eu mais quero é aproveitar meu dia, seja junto da minha família, daqueles que eu considero meus amigos, parceiros, amantes ou um quase namorado idiota, mas a cima de tudo, só quero que tudo esteja perfeito no final do dia, que não aja tristeza, e sim alegria, que não aja esta de ficar deixando a ficha cair, por que isso acontece nos momentos inapropriados, depois que as nossas decisões ou atitudes já foram tomadas. 

Quero muitos abraços, quero muitos beijos, quero dançar, rir, me divertir, quero somente ser eu mesma, quero agir como qualquer outro ser humano deseja ser, ser normal por pelo menos uma vez na vida. Um ser humano que não agüenta mentiras, que só quer verdades, que só quer entender, qual o motivo das pessoas falarem ou tomarem uma atitude que não é aquilo que ela espera? Que ela quer? Por que elas se aproveitam tanto das outras? 

Sei que no final do meu dia de amanhã, vou ter respostas para isso tudo, mas vou estar cansada demais, por que passei minhas horas do meu dia, sendo feliz e sem preocupação alguma.

Um comentário:

  1. Seu blog é lindíssimo, parabéns! :) Se puder vem conhecer o meu depois? Beijos e obrigada! *-*

    http://breatheandsmile.com.br

    ResponderExcluir